Total de visualizações de página

quarta-feira, 22 de fevereiro de 2012

As telhas estão mesmo pregadas?

Neste verão a região Metropolitana do Rio Grande do Sul foi premiada por vários temporais, que como principal característica, trazem chuvas e ventos fortes. Foi em um desses vendavais que pude testar a eficiência do meu telhado. Depois que a chuva cessou e o vento foi embora, o resultado foram algumas telhas quebradas e duas ou três goteiras espalhadas pela casa.

Após subir no telhado descobrimos que as telhas não estavam pregadas como deveriam, além das cumieiras não estarem cimentadas da maneira correta. O jeito foi contratar um pedreiro que cimentou novamente as cumieiras e pregou todas as meia-telhas (aquelas que ficam na beira) de novo. O pedreiro que contratamos para construir a casa utilizou pregos comuns na primeira fixação das telhas. No entanto, esse tipo de material não é eficiente e basta um vento mais forte para tudo sair voando. O recomendado é utilizar pregos com borracha, que fixam mais. Eles são mais caros que os comuns, mas vale a pena. 

Ah! E não se iludam, pois não existe casa perfeita. Em outro post falo mais sobre isso. 

Um comentário:

  1. Boa tarde Débora,

    Gostei muito do seu blog, ele é bem explicativo mesmo. Vou começar a contrução em setembro e meu projeto é bem parecido com o seu pelas fotos. Não sei se vc pod me passar quanto gastou por metro quadrado, pois gostaria de ter uma base.
    email: eduardo-piva@hotmail.com

    Muito obrigado

    Eduardo Piva

    ResponderExcluir